Blog

  • Julio Cesar França Franco

Relacionamento cebola




“Quando precisamos cortar uma cebola vem logo a preocupação com a ardência que ela provoca, não é? Vamos descobrir os motivos pelos quais nós, ao cortarmos cebolas, não conseguimos conter as lágrimas. Qual será a química por trás disso? A explicação para esse acontecimento deve-se às células da cebola, que uma parte é rica em enzimas e a outra em sulfuretos. Consequentemente ao serem cortadas essas duas células se rompem e se misturam, resultando em uma substância chamada ácido sulfénico, que é transformada em um gás, a irritação é produzida quando esse gás atinge nossos olhos. Quando o gás entra em contato com a água, é produzida uma solução fraca de ácido sulfúrico, então o organismo se defende do incômodo produzindo mais lágrimas.” Se você não aprende a cortar com facas afiadas debaixo da torneira seus olhos vão lacrimejar. Ao cortarmos uma cebola choramos, antes, durante e depois. Tem relacionamento que é um luto constante! Algumas pessoas adentram nossas vidas e consegue tirar de nós o nosso pior. A cebola tem várias camadas, nós humanos também possuímos uma gama de “camadas” chamadas de sentimentos adversos então vejamos: Bem x Mal Alegria x Tristeza Verdade x Mentira Ódio e Amor, e por ai vai..... Tudo tem um tempo cronológico início, meio e fim! Tem pessoas que não devem seguir mais ao nosso lado, temos que colocar ponto final e não reticencia. Nada é para sempre, no meio de duas tristezas tem uma alegria e no meio de duas alegrias tem uma tristeza. Acredito que a finalidade de uma relação é fazer bem, somar algo de novo em nosso ser, deixou de fazer bem e começou a fazer mal quem sabe chegou à hora de arrumar as malas, mudar de casa , cidade ou até de país. Muitas vezes mudamos de lugar pra mudar de destino. Pior que nunca achar a pessoa certa, é estar ao lado da errada que além de banhar nossas vidas em lágrimas, pode manchá-la de sangue. Não insista no que já esta bem claro que deu no osso. Ao invés de cebola consiga alguém “Caqui”, “Maçã do Amor”, com sabor de quero mais, saboreie devagar deixando a polpa escorrer pela boca e molhar suas mãos. Rubem Alves escreveu: “Carpe Diem" quer dizer "colha o dia". Colha o dia como se fosse um fruto maduro que amanhã estará podre. A vida não pode ser economizada faça ser uma benção e não um desastre. Pare de se alimentar apenas de cebola que causam mau hálito, se alimente de pessoas uva que bem manuseadas produzem o vinho que é a bebida dos deuses. Que o vinho de um novo amor possa inebriar a sua alma lhe conduzindo aos braços de Eros e Afrodite.

3 visualizações

A nossa missão é informar para transformar.

(62) 98182-3830

(62) 99671-6111

 

Goiânia-GO

  • White Facebook Icon
  • White YouTube Icon
  • Instagram - White Circle
  • LinkedIn - White Circle

© 2015 Palestrante Julio Cesar - Todos os direitos reservados