Blog

  • Julio Cesar França Franco

O pior sentimento

Uma cobra entrou numa carpintaria. Enquanto rastejava-se ela passou por cima de uma serrote e feriu-se um pouco. No momento, ela virou-se e mordeu o serrote, e mordendo o serrote, feriu-se gravemente na boca. Então, não compreendendo o que lhe estava a acontecer e pensando que o serrote a atacava, ela decidiu enrolar-se à volta do serrote para sufocá-lo com todo o seu corpo, apertando-o com todas as suas forças, E assim, infelizmente a cobra acaba por ser morta pelo serrote.

Moral : Às vezes reagimos na raiva, pensando magoar aqueles que nos fizeram mal, mas depois percebemos que estamos a magoarmo-nos a nós mesmos.

Precisamos lutar contra o ódio!

Volta e meia, o ódio tenta se instalar em nosso peito. Se não resistirmos, se não lutarmos com força contra ele, seremos infectados pela negatividade, pela raiva e pelos sentimentos ruins que nos levarão à destruição de nós mesmos.

O ódio fecha sua consciência, ele limita sua inteligência, te faz vibrar em sintonia negativa e inunda seu ser de maledicências.

Lutemos para extirpar de nós os sentimentos de aversão, raiva, rancor, antipatia, repulsa, com gestos de amor... este o único remédio que nos faz criar anticorpos contra o mal. Amar e odiar é uma questão de liberdade. A decisão por uma ação ou por outra depende de cada um de nós. Cabe a você escolher onde e como quer vibrar, SE QUEREMOS COLOCAR O ÓDIO PARA FORA OU AMOR PARA DENTRO.


0 visualização

A nossa missão é informar para transformar.

(62) 98182-3830

(62) 99671-6111

 

Goiânia-GO

  • White Facebook Icon
  • White YouTube Icon
  • Instagram - White Circle
  • LinkedIn - White Circle

© 2015 Palestrante Julio Cesar - Todos os direitos reservados