Blog

  • Julio Cesar França Franco

O ESPORTE E A SUPERAÇÃO


"O esporte nos ensina a perder, perseverar e ganhar. Mais do que tudo, nos ensina a não nos autolimitarmos. Em 1938, Károly Takács ganhou o campeonato mundial de tiro e se tornou a principal esperança húngara para a Olimpíada de Tóquio, mas ela foi cancelada devido à Segunda Guerra Mundial. Em maio de 1938, em uma ação militar, uma granada estourou na mão direita de Károly e a fez desaparecer. Ele entrou em depressão, mas seu treinador, Lazlo Toroc, o convenceu a aprender a atirar com a mão esquerda e o estimulou a se preparar para o campeonato húngaro, que aconteceria em menos de 1 ano. Em 1939, ele foi ao campeonato. Seus colegas imaginaram que ele era só para apoiá-los, mas ele não só competiu, como ganhou. Em 1948, foi à Olimpíada de Londres, a 1a após a guerra. “O que faz aqui?”, perguntou-lhe Carlos Valente, argentino, campeão e recordista mundial em pistola rápida de 25 metros, com 570 pontos. Seria membro da equipe técnica? Juiz? Károly respondeu “Vim para aprender”. Fez 580 pontos, 10 a mais que o Carlos e se tomou campeão olímpico e recordista mundial. Em 1952, em Helsinque, foi mais uma vez campeão olímpico. Como seria o mundo se todos fôssemos encarássemos desafios e obstáculos como ele, ao invés de sentirmos pena de nós mesmos?"

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo