A nossa missão é informar para transformar.

(62) 98182-3830

(62) 99671-6111

 

Goiânia-GO

  • White Facebook Icon
  • White YouTube Icon
  • Instagram - White Circle
  • LinkedIn - White Circle

© 2015 Palestrante Julio Cesar - Todos os direitos reservados

Blog

  • Julio Cesar França Franco

LÍNGUA DE TRAPO


Significado de Língua de trapo:


Substantivo feminino, Pessoa fofoqueira, indiscreta, que fala demais sobre a vida alheia; mexeriqueiro, linguarudo: minha vizinha é uma língua de trapo, vive cuidando da minha vida.

Na Grécia antiga, Platão escreveu:

“... Só as palavras pronunciadas com o fim de instruir, e que de fato se gravam na alma, sobre o que é justo, belo e bom apenas nelas se encontra uma força eficaz, perfeita e divina a ponto de nelas empregarmos os nossos esforços.

“Quando não dizemos nada para os outros, estamos dizendo coisas para nós próprios. Quando não escutamos alguém, ouvimos dentro de nós a voz interior das esperanças e anseios que habitam nosso universo pessoal.

A fala, assim, é muito mais do que um mero som ou uma sequência lógica de pensamentos. É uma corrente magnética que contém e transmite vida”.

Deus nos dotou com dois olhos, dois ouvidos, dois lábios, duas narinas, dois braços, duas pernas, e apenas uma língua, porém nós não conseguimos usar nossos sentidos proporcionalmente.

Com a língua podemos promover a paz ou a guerra, a palavra tem a força de um projétil, mal-usada mata.

A língua tem o formato de uma espada, mal manuseada pode destruir não só os que estão ao seu derredor, mas principalmente você.

Estou convencido que quando deixamos de dialogar ou ouvir nossos parceiros e passamos a dar mais importância ao que os outros dizem, estamos conduzindo nossos relacionamentos para a U.T.I.

Em cidades pequenas a fofoca ainda é mais nefasta, metade da cidade fala mal da outra metade.

SABEM DE COISA SOBRE NÓS QUEM NEM MESMO NÓS SABEMOS...

Ex:

Emagreceu está com Aids;

Engordou está grávida;

Está no carro velho está quebrado;

Está no carro novo está vendendo drogas.

Se fica com muitas mulheres para os homens é homossexual, para mulheres é galinha.

Quem pode com uma maldade desta?

A verdade que prego que se destaca encontra muitos martelos....quem vive ou viveu no interior sabe que isso é recorrente....

Muitos divórcios e separações acontecem devido aos mexericos, vizinhas que vivem nas janelas e muros debruçados sobre a vida dos outros.

Se sua palavra não pode edificar, não destrua..tente ser Cristão.

Sejamos a estação final da desgraça.

Outro erro comum onde origina as línguas de trapo é quando você conta o seu segredo para alguém imediatamente passa a ser refém do outro.

Se você o dono do segredo não teve capacidade de guardá-lo, que dirá os outros!

Sócrates filósofo Grego certa vez disse:

“É mais fácil conservar na língua um carvão em brasa do que um segredo”.

A quem dás o teu segredo dás a tua paz!

Observe a força da palavra em nossas vidas:

O “Dhammapada” budista ensina: Se alguém fala ou age com um mau pensamento, o sofrimento o acompanha assim como a carreta segue os passos do boi que a puxa. Se alguém fala ou age com pensamento puro, a felicidade o acompanha assim como sua própria sombra, que nunca se afasta dele.”

As palavras são extremamente úteis, quando sinceras, e podem salvar vidas.

Aprenda a verdade do outro não pode te ferir ou melindrar, muitos não estão preparados para viver em meio a verdade e ai criam e vivem dentro de mentiras, são traços de psicopatia que estas pessoas possuem.

Outro erro comum é quando alguém está nervoso e você ao invés de ajudar coloca gasolina no fogo.

Quantos amam pegar os pontos falhos, o Calcanhar de Aquiles dos que vivem ao seu derredor, fala o tempo todo como um tagarela e depois que provoca o desastre emocional diz:

Eu não fiz nada!

Conheci um casal que a esposa descobriu um deslize da sogra e todas as vezes que brigavam ela atirava-lhe no rosto a frase dizendo:

Esta falta de vergonha que você tem é de família!

Lembremos do texto bíblico escrito em provérbios que diz:

“Uma resposta branda aplaca a raiva, uma palavra agressiva atiça a cólera. A língua dos sábios torna o conhecimento agradável, a boca dos insensatos destila ignorância”.

Pergunta que não quer calar em sua cidade existem línguas de trapo?

Se sim este tipo de gente é como fogo...bom para ser visto de longe!!!

Texto: Julio Cesar França Franco

56 visualizações