Blog

  • Julio Cesar França Franco

EU DESEJO..........

Eu desejo que você se cure daquilo que não fala para ninguém, daquelas dores que você aguenta em silêncio, das lágrimas que escorrem pelo seu rosto antes de dormir.

Eu desejo que você se cure dos seus temores, medos e inseguranças.

Das incertezas que um dia a vida colocou em você e que você enfrenta todos os dias quando se levanta da cama e segue em frente.

Eu desejo que você se cure, daquelas mágoas, feridas e desilusões, que você silenciou, que nunca reclamou, mas que ainda sente profundamente dentro de você.

Desejo que você se cure do passado que ainda está com você nas cicatrizes emocionais que você carrega sem reclamar.

"Que você se cure das desculpas que nunca lhe foram dadas, da valorização que não recebeu, da gratidão que não te deram, do reconhecimento justo que não foi lhe oferecido, de todas as vezes que você mereceu receber o melhor e ele não chegou até você."

Que você se cure, dessas dores que você engoliu, silenciou, jogou para dentro.

Desejo que você se cure de todas as vezes que disse que estava “tudo bem”, quando na verdade não estava nada bem.

Das vezes que engoliu o choro, a raiva, a tristeza, a decepção e sorriu, para que o mundo não visse a sua dor, ou para que o seu sorriso pudesse fazer alguém feliz.

Que você se cure dos momentos que se sentiu sozinho(a) e que acreditou que ninguém enxergava suas feridas ou reconhecia seus atos.

Acredite, a vida vê, a vida retribui, a vida cura.

A cura pode ser devagar, silenciosa, as vezes difícil e não se faz sozinha.

Mas ela acontece!

Se curar é um processo.

Assim como muitos lhe causam feridas que você aguenta em silêncio outros ajudam a cicatrizar as feridas sem que você perceba.

Desejo que você se cure: de tudo que diz, de tudo que não fala e de tudo que precisa!


( Alexandro Gruber )

18 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo